14/01/2007 / Em: Releases

 

Teve início hoje, 14 de janeiro, a segunda fase do Vestibular Unicamp 2007, com as provas de língua portuguesa e ciências biológicas. A Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp (Comvest) registrou uma abstenção de 7%, número pouco maior que o registrado em 2006 (5,8%). Dos 14.483 aprovados para a segunda fase, 1014 não compareceram. Em Campinas, a abstenção foi 5,5% e em São Paulo foi 8,5%. As provas podem ser conferidas no site da Comvest (www.comvest.unicamp.br). As respostas esperadas começam a ser divulgadas na quinta-feira, dia 18. Os candidatos concorrem a 2.954 vagas em 58 cursos da Unicamp e dois cursos da Famerp – Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto. A primeira lista de aprovados será divulgada dia 06 de fevereiro, às 16 horas no site da Comvest e no campus de Campinas.

As provas da segunda fase seguem até quarta-feira (17 de janeiro) em 25 cidades do país: Campinas, São Paulo, Valinhos, Sumaré, Mogi-Guaçu, Jundiaí, Limeira, Piracicaba, Sorocaba, Santo André, São Bernardo do Campo, Santos, Ribeirão Preto, São Carlos, São José dos Campos, Bauru, São José do Rio Preto, Rio de Janeiro, Brasília, Curitiba, Belo Horizonte, Salvador, Goiânia, Porto Alegre e Fortaleza. Na segunda-feira, dia 15 de janeiro, os candidatos fazem as provas de Química e História. Na terça-feira (16 de janeiro) fazem Física e Geografia e na quarta-feira (17 de janeiro) fazem Matemática e Inglês. A segunda fase do Vestibular é constituída de oito provas de natureza dissertativa, comuns a todos os candidatos. A prova de cada disciplina está composta por 12 questões e vale 60 pontos.

Na prova de Biologia, várias questões buscavam contextualizar os conteúdos abordados, trazendo no enunciado situações reais, como a 13 e a 15, que falavam sobre o cotidiano em escolas. Na prova de Português, metade das questões estava voltada à leitura das obras literárias indicadas pela Unicamp e pela USP. Algumas questões trouxeram fatos noticiados pela imprensa, especialmente os jornais, como as perguntas 3, 4 e 5. “O Vestibular Unicamp procura ligar situações reais ou passíveis de acontecer com os conceitos das disciplinas do ensino médio”, lembrou o coordenador adjunto da Comvest, professor Renato Pedrosa.

Orientações aos candidatos

Os candidatos devem comparecer aos locais às 13 horas, já que os portões serão fechados às 13h45. Nos Estados onde não há ‘horário de verão’, a Comvest seguirá o horário local e não o horário de Brasília. As provas duram 4 horas. Os candidatos que não desejarem levar o caderno de questões poderão sair do local de prova 2 horas após o início. Aqueles que quiserem levar as questões só poderão sair após 3 horas e meia do início da prova.

No dia da prova, os candidatos devem levar o original da cédula de identidade, lápis, caneta azul ou preta, borracha e régua pequena. A Comvest ressalta que a prova deve ser toda respondida a caneta, não somente o resultado, mas todos os cálculos ou o raciocínio utilizado. Provas a lápis não serão corrigidas. É vedada a utilização de calculadora, celulares e pagers, corretivo líquido, relógio com calculadora, bem como é proibido o uso de boné ou chapéu, ou quaisquer outros materiais estranhos à prova. É permitido que os candidatos levem à prova, água, sucos, refrigerantes, balas, doces, chocolates e usem roupas leves, como bermudas e shorts.

Nos cadernos de prova da segunda fase, os candidatos aos cursos com provas de aptidão vão receber orientações para a realização dos exames, como horários e locais. As provas de aptidão, obrigatórias para os cursos de Arquitetura e Urbanismo, Artes Cênicas, Artes Visuais, Dança, Música e Odontologia, serão realizadas entre os dias 22 e 25 de janeiro em Campinas, com exceção de Odontologia que acontecerá no campus de Piracicaba.