01/11/2003 / Em: Releases

 

A Comissão Permanente para os Vestibulares (Comvest) da Unicamp está divulgando o perfil sociocultural dos candidatos inscritos no Vestibular-2004. Os números indicam uma participação significativa de estudantes do ensino público e de candidatos que se declararam afro-descendentes.
Do total de 50.549 inscritos, 34,2% cursaram todo ou a maior parte do ensino médio em estabelecimentos públicos, o que representa cerca de 17 mil candidatos.
Já a proporção de afro-descendentes é de 13,6% do total de inscritos, ou seja, quase 7 mil candidatos. Esse número é significativamente maior que os 10,4% de 2003.
É importante ressaltar que nestes dois grupos o percentual de inscritos em geral corresponde ao dos aprovados e efetivamente matriculados na Unicamp.
Quase 50% dos candidatos vêm de famílias com renda mensal familiar inferior a 10 salários mínimos, e 27% de famílias com renda mensal familiar entre 10 e 20 salários mínimos. Esses dados reforçam o caráter não elitista do Vestibular e da própria Universidade.
95,4% dos candidatos são solteiros, 68,5% têm entre 17 e 19 anos de idade, sendo que há uma distribuição praticamente igual entre o número de homens e mulheres inscritos.