12/08/2013 / Em: Clipping

 


Brasil está à frente de Reino Unido em investimento privado em pesquisa   (Terra – Vestibular – 12/08/13)

Um novo ranking internacional, elaborado pelo Times Higher Educations (THE), aponta que as universidades da Coreia do Sul são as que mais atraem investimento privado para pesquisas acadêmicas. O índice de Inovação Acadêmica Mundial calculou que as indústrias investem o equivalente a cerca de US$ 100 mil em cada acadêmico coreano para que faça pesquisas e inovações tecnológicas. O Brasil está em 23º lugar na lista de 30 países que mais recebem dinheiro das empresas, à frente de nações como Reino Unido, Itália e Israel. O Brasil também é o único País da América Latina a aparecer no ranking, divulgado nesta segunda-feira. A estimativa é que as empresas investem cerca de US$ 14,9 mil por pesquisador brasileiro.