16/05/2013 / Em: Clipping

 


Cotas   (Correio Popular – Coluna do Leitor – 16/05/13)

Mauricio Paranhos Torres
Médico, Campinas

A constatação da Unicamp de que alunos cotistas têm desempenho equivalente aos demais mostra, em minha opinião, que esses alunos, se tivessem uma escola pública de qualidade, estariam competindo em igualdade de condições sem necessidade de cotas. Isso só mostra o equívoco dessa política que se para, discrimina e tira do governo a responsabilidade de uma educação pública de qualidade. Mais uma vez uma solução que diminui efeitos, mas não resolve as causas, como é recorrente neste País, e que cria uma injustiça, já que os alunos de escola pública podem ter 100% das vagas e os das escolas privadas não. (…) O País tem se especializado em fingir que resolve problemas e as pessoas aceitam com naturalidade e até com admiração. O Brasil sempre foi o País do futuro. Pois o futuro já chegou e nós não estamos nele!



Ranking coloca USP entre as 50 melhores universidades na área de pesquisa   (Universia Brasil – Notícias – 15/05/13).

A USP (Universidade de São Paulo) ficou entre as 50 melhores universidades do mundo em cinco disciplinas no Ranking Mundial de Universidades QS 2013, que tem como objetivo classificar as melhores universidades ao redor do globo. Os resultados da pesquisa foram publicados esta semana.  A melhor colocação da universidade foi nas disciplinas de agricultura e silvicultura, em que a USP alcançou o 24º lugar. Além disso, a instituição também apareceu na lista com as disciplinas de filosofia (41º lugar), estatística e pesquisa operacional (41º lugar) e comunicação e mídia (48º lugar).