19/08/2010 / Em: Clipping

 


Unicamp divulga lista de isentos  (Universia Brasil – Últimas do Vestibular – 18/08/10)

A Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) divulgou nesta quarta-feira, 18 de agosto, os candidatos contemplados com a isenção da taxa de inscrição para o processo seletivo 2011. Dos 5.824 inscritos 4.777 não precisarão pagar a taxa, que será de R$120. Para se inscrever no vestibular, os isentos usarão um formulário específico. As candidaturas, no entanto, serão realizadas no mesmo período dos demais estudantes: de 23 de agosto a 8 de outubro. Os benefícios foram destinados a estudantes de família de baixa renda, funcionários da Unicamp e candidatos para licenciatura em período noturno (ciências biológicas, física, letras, licenciatura integrada química/ física, matemática e pedagogia). Além de ter cursado integralmente o Ensino Fundamental e Médio na rede pública, os candidatos tiveram que comprovar residência no Estado de São Paulo. O programa de isenção do Vestibular Nacional da Unicamp é parte do PAAIS (Programa de Ação Afirmativa e Inclusão Social ). A iniciativa prevê que estudantes que tenham cursado todo o Ensino Médio na rede pública brasileira recebam 30 pontos a mais na nota final da segunda fase do processo seletivo.



UFRJ avalia proposta de manter cotas apenas para alunos de escolas públicas estaduais  (Agência Brasil – 19/08/10)

Para ampliar o acesso de estudantes de baixa renda ao ensino superior, a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) avalia hoje (19) a proposta de excluir das recém-criadas ações afirmativas para ingresso na instituição estudantes de colégios federais, universitários, militares e de aplicação, mantendo as cotas somente para alunos de escolas públicas estaduais. Com grandes chances de aprovação, a proposta é da reitoria e foi encaminhada na última segunda-feira (16) para o Conselho Universitário (Consuni). Na reunião da semana passada, questões específicas, como o percentual de vagas para as cotas e as ações de assistência estudantil para permanência dos estudantes, não obtiveram consenso e voltam a ser discutidas. Dessa vez, a reitoria sugere que 20% do total das vagas de cada curso sejam preenchidas por candidatos selecionados pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e que tenham cursado integralmente o ensino médio na rede pública. Do restante, 40% seriam preenchidas por meio do vestibular tradicional e 40% por estudantes aprovados pelo Sisu. A UFRJ oferece 8 mil vagas anualmente. Com essa medida, a reitoria põe fim à discussão das cotas sociais, que selecionariam estudantes com base na renda familiar per capita de até um salário mínimo e meio. Na proposta original, 10% das vagas seriam distribuídos a candidatos oriundos de escolas públicas com esse perfil.

Professor quer inclusão do critério racial em ações afirmativas da UFRJ (Agência Brasil – 19-08-10)

A inclusão do critério racial nas ações afirmativas para ingresso na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) voltará a ser defendida hoje (19) pelo professor do Departamento de Economia e membro do Conselho Universitário Marcelo Paixão. Ele participará da reunião na qual será definido o perfil do estudante cotista da universidade. Histórico defensor das cotas raciais para pretos e pardos (que juntos somam mais de 50% da população brasileira, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), Marcelo Paixão avalia que a aprovação da medida é improvável. Mas argumenta que a reunião será um espaço para discutir as barreiras sociais que dificultam o processo de aprendizagem dos negros. “A proposta é decorrente da constatação de que os alunos negros que estudam no segundo grau da rede pública convivem com barreiras específicas ao seu processo educacional não apenas decorrente da situação social precária, mas também de práticas sociais escolares hostis à presença de pessoas negras”, afirmou.



Unicamp divulga lista de isentos  (Jornal Agora – Dicas – 19/08/10)

A Comvest (Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp) divulgou ontem a lista com os 4.777 candidatos que estão isentos da taxa de inscrição para o vestibular. Esses alunos estão recebendo, desde ontem, um e-mail com o código de isenção, que deverá ser digitado no formulário de inscrição. As inscrições para todos os candidatos ao vestibular da Unicamp deste ano estarão abertas a partir de segunda-feira até o dia 8 de outubro, apenas pelo site da Comvest.