21/11/2014 / Em: Clipping

 


Sem rivalidade, mãe e filha disputam vaga para medicina na Unicamp   (Globo.com  – G1 Vestibular – 21/11/14)

Adriana Annoni, de 39 anos, e a filha Laura Annoni, de 20, disputam pela terceira vez uma vaga no curso de medicina da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Candidatas ao curso que tem 204 concorrentes por vaga, o mais disputado, nem de longe se vêm como como rivais. “É bom nem pensar nisso”, explica Laura. Além da relação familiar, as duas são parceiras em quase tudo: estudam no mesmo cursinho, hoje em salas separadas, mas há dois anos chegaram a conviver com os mesmos colegas e professores. Contam que até sentavam juntas no início, mas depois foram se enturmando. “Aí cada uma foi fazendo amizade com uma e outra”, lembra Adriana.

Após olimpíada em Harvard, jovem tenta Unicamp, mas foca nos EUA   (Globo.Com – G1 Vestibular – 20/11/14)

O estudante Guilherme Henrique do Amaral, de 17 anos, de Hortolândia (SP), precisou de uma “vaquinha” e de ajuda da escola para disputar uma olimpíada de matemática das universidades Harvard e Massachusetts Institute Of Technology (MIT), nos Estados Unidos. A participação no torneio deixou o jovem tão entusiasmado que, apesar de ser um dos 77 mil inscritos para o Vestibular 2015 da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), que começa no domingo (23), ele estuda a possibilidade de tentar uma graduação em uma instituição norte-americana.

Com inglês na 1ª fase, Unicamp prevê ‘benefício’ a alunos de escola pública   (Globo.Com – G1 Vestibular – 19/11/14)

A aplicação da prova de inglês na primeira fase do vestibular 2015 da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), marcada para este domingo (23), deve auxiliar candidatos egressos de escolas públicas, segundo a comissão responsável por organizar o processo seletivo. Para o coordenador da Comvest, Edmundo Capelas de Oliveira, a mudança pode aproximar a instituição da meta definida pelo governo que propõe às universidades estaduais de São Paulo matricular, até 2017, 50% de alunos que cursaram o ensino médio na rede pública. “Para o pessoal do ensino médio de escola pública, o inglês é meio “relaxado”, deixado de lado. Em particular, o candidato paga escola e pode levar vantagem. Há uma expectativa [de aumentar a inclusão], a gente espera”, falou o coordenador.



Unicamp aplica 1ª fase do vestibular 2015 no domingo; UOL terá correção   (UOL – Vestibular – 21/11/14)

A Comvest (Comissão Permanente para os Vestibulares) da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) aplica a primeira fase do vestibular 2015 no domingo (23). A partir de 18h30, os professores do Curso e Colégio Objetivo fazem a correção comentada das questões da prova no UOL. A prova, que contará com 90 questões de múltipla escolha, será realizada a partir das 13h — com tempo máximo de cinco horas (terminando às 18h) e com tempo mínimo de três horas e 30 minutos. Os portões dos locais de prova abrem às 12h. As perguntas, cada uma com quatro alternativas, estarão distribuídas nas disciplinas do ensino médio da seguinte maneira: 14 questões de língua portuguesa e literaturas de língua portuguesa, 14 de matemática, 10 de história e 10 de geografia (incluindo filosofia e sociologia), 10 questões de física, 10 de química, 10 de biologia, 8 de inglês, além de 4 questões interdisciplinares.



1ª fase da Unicamp acontece neste domingo; Virando Bixo trará resolução da Oficina   (EPTV – Virando Bixo – 20/11/14)

A Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) realiza neste domingo (23), às 13h, a 1ª fase do Vestibular 2015. O Virando Bixo trará, após as 18h30, a resolução da prova realizada pelos professores do curso pré-vestibular Oficina do Estudante, de Campinas. No Estado de São Paulo, as provas serão aplicadas em quatro novas cidades: Presidente Prudente, Guarulhos, Mogi das Cruzes e São João da Boa Vista. Assim, a partir deste ano, serão 20 cidades no Estado. As outras 16 são Bauru, Campinas, Jundiaí, Limeira, Mogi Guaçu, Piracicaba, Ribeirão Preto, Santo André, Santos, São Bernardo do Campo, São Carlos, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo, Sorocaba e Sumaré.