25/01/2016 / Em: Clipping

 


Confira todas as respostas esperadas pela Unicamp nas provas da 2ª fase do vestibular   (EPTV – Virando Bixo – 23/01/16)

A Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) divulgou as respostas esperadas para todas as provas aplicadas na segunda fase do Vestibular 2016, que aconteceram entre domingo (17) e terça (19).



Profissional preparado tem melhor resultado  (Correio Popular – Cidades – 24/01/16)

O número de alunos do Ensino Superior cresceu no Brasil 76,8% no período que vai de 2002 a 2013, e atingiu, há dois anos, 7,3 milhões, sendo 5,3 milhões de estudantes apenas em instituições particulares. O diretor executivo do Sindicato das Mantenedoras de Ensino Superior (Semesp), Rodrigo Capelato, cita um estudo do Instituto de Pesquisas Econômicas Aplicadas (Ipea) segundo o qual o aumento da população com Ensino Superior completo está entre os fatores que mais impactam na elevação do PIB. Contudo, as restrições impostas aos programas de financiamento estudantil pelo governo federal em razão da crise econômica frearam acurva de crescimento e trouxeram desestímulo aos alunos em razão das dificuldades econômicas de bancar o curso. Em um cenário em que o desemprego assombra os profissionais de todas as áreas, ter formação superior e pós-graduação no currículo faz toda a diferença no momento em que as organizações se veem obrigadas a enxugar seus quadros. No cenário atual, o profissional que investiu numa boa formação superior e em especialização tem menos chance de ser dispensado se comparado ao que não se preocupou com sua capacitação. Especialistas em mercado de trabalho são unânimes em afirmar que, apesar da crise, todos os esforços devem ser feitos para buscar uma formação superior de qualidade por mais incertezas que vislumbre no horizonte, pois uma vez vencida a crise, o candidato estará apto a assumir um posto de trabalho. Na pós-graduação Stricto Sensu, a consciência dessa necessidade de se qualificar por exigências dos empregadores está demonstrada. Dados apurados pelo Semesp mostram que as matrículas em programas de mestrado, doutorado e mestrado profissional crescem ano a ano e passaram de 218.148, em2013, para 232.381, em2014, um crescimento de 9,3% em todo o País. Desse total, 65.226 nscrições são do Estado de São Paulo, onde 80%das instituições de Ensino Superior oferecem cursos de pós-graduação. Em nível de especializações Lato Sensu, os cursos mais procurados no Estado deSão Paulo em 2014 foram: Gestão de Pessoas Segurança do Trabalho, Gestão de Projetos, Psicopedagogia, Docência e Gestão Empresarial. Esta edição do caderno Graduação e Pós-Graduação – Última Chamada traz as instituições de Ensino Superior e de Pós-Graduação que ainda estão com inscrições abertas para o ano letivo. Ainda dá tempo de correr atrás de um diploma.



No futuro, abismo entre escola pública e particular deve crescer em SP   (Folha Online – Educação – 25/01/16)

Se Marty McFly, do filme “De Volta para o Futuro”, desembarcar em São Paulo em 2025, poderá tanto encontrar uma aula de matemática à base de lousa e giz igualzinha à de 1985, quanto uma em um laboratório multidisciplinar de alta tecnologia. É que, de acordo com especialistas, as escolas de elite paulistanas se alinham cada vez mais com tendências tecnológicas mundiais enquanto a rede pública tende a manter metodologias antigas. O colégio Bandeirantes, um dos mais tradicionais da capital paulista, já começa neste ano a sua primeira aula multidisciplinar em um laboratório voltado para o ensino médio. De acordo com Paulo Blikstein, especialista de tecnologia aplicada à educação da Universidade Stanford (EUA), esse tipo de espaço, que une diversas áreas, tende a ficar mais comum.