01/02/2022 / Em: Destaques, Notícias, Releases

 

ENVIE o arquivo digital (vídeo) – prova de Habilidades Específicas curso de Música

Relação candidatos-vaga
Inscritos por cidade

Edital Unicamp
Edital UFSCar
Calendário
Instruções para matrícula

A Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp (Comvest) registrou 2.805 inscritos para o Vestibular Indígena 2022, primeiro ano da seleção unificada entre a UFSCar e a Unicamp para o ingresso de estudantes indígenas em diferentes cursos de graduação das duas universidades. As inscrições gratuitas foram encerradas no dia 20 de janeiro. A relação candidatos-vaga por curso e o número de inscritos por cidade de prova estão disponíveis nesta página. Na UFSCar, essa é a 15ª edição da modalidade de ingresso para estudantes indígenas e na Unicamp, a quarta. A Unicamp oferece 130 vagas, distribuídas em todos os cursos da Universidade, e a UFSCar oferece até duas vagas, em 65 diferentes opções de cursos. Na última edição oferecida de maneira separada, as universidades somaram 2.409 inscrições, sendo 1.697 na Unicamp e 712 na UFSCar.

Mudança – Data da prova

A data da prova, inicialmente prevista para o dia 13 de março, está sendo alterada para o dia 27 de março, devido ao contexto da pandemia de Covid-19 e na expectativa de uma diminuição dos casos até o final do mês de março. A prova será aplicada de maneira presencial, em seis cidades do país: Campinas (SP), Recife (PE), Dourados (MS), São Gabriel da Cachoeira (AM), Manaus (AM) e Tabatinga (AM). A cidade de Bauru não atingiu o número mínimo de 50 inscritos e, conforme previsto pelas regras do Edital do processo, não terá aplicação do exame. Os candidatos que haviam escolhido a cidade de Bauru deverão realizar a prova na cidade de Campinas. A cidade com maior procura para realizar a prova é São Gabriel da Cachoeira, no Amazonas, com 933 candidatos. Tabatinga, também no Amazonas, é a segunda cidade com maior procura no Vestibular Indígena 2022, com 780 inscritos. A Comvest irá divulgar os endereços dos locais de exame no próximo dia 18 de fevereiro, na página eletrônica do Vestibular Indígena.

Em ambas as universidades, os cursos com maior demanda foram aqueles da área de saúde/biológicas. Na UFSCar, Medicina, Enfermagem e Fisioterapia registraram as maiores demandas e, na Unicamp, Medicina, Enfermagem, Odontologia e Farmácia foram os cursos mais procurados do Vestibular Indígena 2022.

A prova será em língua portuguesa, composta de questões de múltipla escolha e uma Redação, da seguinte maneira: Linguagens e códigos (14 questões); Ciências da Natureza (12 questões); Matemática (12 questões); Ciências Humanas (12 questões); e uma Redação. O programa de estudos para a prova já está disponível nos editais, nas páginas da Comvest e da UFSCar. Os candidatos ao curso de Licenciatura em Música da Unicamp e da UFSCar, além das provas acima, deverão realizar a Prova de Habilidades Específicas em Música, com o envio eletrônico de vídeos, até o dia 8 de fevereiro, pela página do Vestibular indígena 2022. Veja as orientações sobre o formato e envio dos vídeo aqui.

Os candidatos deverão comprovar que pertencem a uma das etnias indígenas do território brasileiro, por meio da documentação especificada no Edital, a ser entregue no dia da prova. Outro pré-requisito é que os candidatos tenham cursado o ensino médio integralmente na rede pública (municipal, estadual, federal), ou em escolas indígenas reconhecidas pela rede pública de ensino ou tenham obtido a certificação do ensino médio pelo ENEM ou exames oficiais (por exemplo, o Enceja) e não tenham cursado nenhum período do ensino médio na rede particular. Caso sejam aprovados no vestibular, os estudantes deverão comprovar as exigências, apresentando no ato da matrícula toda a documentação exigida.

Leia a matéria do portal Unicamp

Calendário – Vestibular Indígena 2022

Início das inscrições, em formulário eletrônico disponível exclusivamente na página eletrônica da Comvest (www.comvest.unicamp.br). 13/12/2021, a partir das 9 horas
Encerramento das inscrições. 20/01/2022, às 17h00
Prazo para envio de arquivo digital para a prova de Habilidades Específicas para o curso de Música, na página da Comvest. Das 9 horas do dia 25/01/2022 até as 17 horas do dia 08/02/2022
Divulgação, na página da Comvest, dos locais da prova presencial (endereços). 18/02/2022
Aplicação das provas presenciais, nas cidades de Bauru (SP), Campinas (SP), Recife (PE), Dourados (MS), São Gabriel da Cachoeira (AM), Manaus (AM) e Tabatinga (AM) 27/03/2022, às 13 horas (horário local)
Divulgação dos convocados para matrícula em 1ª chamada, na página da Comvest. 18/04/2022, às 18 horas
Matrícula online dos convocados em 1ª chamada, a partir da página da Comvest. Das 9 horas do dia 19/04/2022 até as 17 horas do dia 26/04/2022*
Divulgação dos convocados para matrícula em 2ª chamada, na página da Comvest. 02/05/2022, às 18 horas
Matrícula online dos convocados em 2ª chamada, a partir da página da Comvest. Das 9 horas do dia 03/05/2022 até as 17 horas do dia 10/05/2022
Divulgação dos convocados para matrícula em 3ª chamada, na página da Comvest. 16/05/2022, às 18 horas
Matrícula online dos convocados em 3ª chamada, a partir da página da Comvest. Das 9 horas do dia 17/05/2022 até as 17 horas do dia 19/05/2022
Divulgação dos convocados para matrícula em 4ª chamada, na página da Comvest. 23/05/2022, às 18 horas
Matrícula online dos convocados em 4ª chamada, a partir da página da Comvest. Das 9 horas do dia 24/05/2022 até as 12 horas do dia 26/05/2022
Divulgação dos convocados para matrícula em 5ª chamada, na página da Comvest. 30/05/2022, às 18 horas
Matrícula online dos convocados em 5ª chamada, a partir da página da Comvest. Das 9 horas do dia 31/05/2022 até as 12 horas do dia 03/06/2022


*
 Não haverá atendimento nos canais de atendimento da DAC (Fale com a DAC) entre os
dias 21 e 23 de abril, devido ao feriado – expediente suspenso.

 

Histórico

Na primeira edição do Vestibular Indígena Unicamp, realizada para o ingresso em 2019, a Comvest registrou 611 inscritos, que disputaram as 72 vagas oferecidas. Foram matriculados 64 estudantes, de 23 etnias do Brasil. Na segunda edição, realizada para 2020, o número de inscritos subiu para 1.675, na disputa por 96 vagas, e foram matriculados 85 estudantes. Já na edição de 2021, o ingresso ocorreu em agosto. Foram registrados 1.697 inscritos para 88 vagas. 86 estudantes fizeram a matrícula.