15/03/2019 / Em: Notícias

 

Unicamp aprova mudanças no vestibular 2020 e terá 2ª fase com dois dias de prova; veja como fica (Terra – Educação – 15/03/2019)

Divisão de conteúdos será baseada na carreira escolhida por cada candidato

 

A Universidade de Campinas (Unicamp) aprovou nesta quinta-feira, 14, mudanças no formato da segunda fase do vestibular 2020,cujas inscrições serão realizadas a partir de agosto. Não haverá mudanças em relação à prova da primeira fase. A Câmara Deliberativa deu o aval, por unanimidade, para a proposta da Comissão Permanente para os Vestibulares da universidade (Comvest) de reduzir o processo seletivo de três para dois dias,- com cinco horas de duração cada dia – além da divisão de conteúdos baseada na carreira escolhida por cada candidato. O objetivo, segundo a instituição, é construir uma prova moderna e diminuir o índice de abstenção para menos de 10%. Com o novo modelo, os estudantes passarão, na segunda fase, a fazer as provas das disciplinas relacionadas com a área do curso escolhido. No entanto, serão obrigatórias a todos os candidatos as provas de Língua Portuguesa, Matemática e algumas questões interdisciplinares – incluindo a disciplina de Inglês, que volta a estar presente na segunda fase. A Redação está mantida na segunda etapa, com duas propostas, mas passa a exigir a produção de apenas um texto, invés de dois. Os dois dias de provas da segunda fase terão uma hora a mais, passando de quatro para cinco horas em cada dia. No primeiro dia, além da Redação, os estudantes terão questões comuns obrigatórias a todos os candidatos, independentemente do curso escolhido: oito questões de Língua Portuguesa e Literaturas de Língua Portuguesa, duas questões interdisciplinares envolvendo as disciplinas de Inglês e ciências da natureza e ciências humanas. A prova de Redação continuará apresentando duas propostas de escrita, mas o candidato deverá escolher uma delas para produzir seu texto. No segundo dia, todos os estudantes farão seis questões obrigatórias de Matemática e quatro questões interdisciplinares, sendo duas envolvendo disciplinas de ciências humanas e duas envolvendo disciplinas de ciências da natureza. Além disso, cada estudante fará mais 12 questões específicas da área do curso escolhido (conforme figuras abaixo). Cada curso atribuirá às provas os pesos específicos ao perfil do estudante desejado, que poderão variar entre 1 e 3. Mantém-se o critério de que o candidato é desclassificado se zerar em alguma das provas.

 


 

Unicamp aprova alterações no processo seletivo vestibular (Colégio Web- 15/03/2019)

Segunda fase será realizada em dois dias.

A Unicamp, através da sua Câmara Deliberativa da Comissão Permanente para os Vestibulares, aprovou algumas mudanças serão realizadas para a próxima edição do vestibular da instituição. De acordo com as informações que foram divulgadas, as alterações foram aprovadas por unanimidade pelos representantes. A Unicamp afirma que as mudanças são importantes para que sejam melhorados os processos de seleção, que passarão a focar mais nas especificidades da área do que no conhecimento geral como um todo. “O ensino médio mudou muito em 32 anos, desde que a Unicamp criou seu vestibular próprio e a Universidade precisa acompanhar essas mudanças”, disse José Alves de Freitas Neto, coordenador executivo da Comvest. As mudanças serão realizadas na segunda fase do processo seletivo, que passará a ser realizada em apenas dois dias. Anteriormente a instituição fazia essa segunda fase em 3 dias diferentes. Além disso, os candidatos passarão a realizar provas de acordo com as disciplinas que forem relacionadas à área do curso escolhido. Para que os estudantes possam fazer a prova com mais tranquilidade, os dois dias de provas terão uma hora a mais se comparado com o tempo que era dado para cada dia nos processos seletivos anteriores. Com isso, a duração das provas passará para cinco horas por dia, ao invés de quatro. Dessa forma, o primeiro dia será destinados as questões comuns e Língua Portuguesa e Literaturas de Língua Portuguesa, duas questões interdisciplinares envolvendo as disciplinas de Inglês e Ciências da Natureza e Ciências Humanas, mais uma redação. Ainda serão disponibilizadas duas propostas para que o candidato escolha apenas uma opção. Já a segunda fase será composta por seis questões de Matemática e quatro questões interdisciplinares, sendo duas envolvendo disciplinas de Ciências Humanas e duas envolvendo disciplinas de Ciências da Natureza. Neste dia, cada estudante realizará 12 questões específicas da área do curso escolhido. Uma outra mudança que foi anunciada para o processo seletivo será sentida na redação do vestibular. instituição exigia duas redações nos vestibulares anteriores e agora passa a exigir a produção de apenas uma. Serão obrigatórias a todos os candidatos a realização das provas de Língua Portuguesa, Matemática e questões interdisciplinares, que traz de volta a disciplina de Inglês para a segunda fase.