07/05/2007 / Em: Releases

 

Após preenchimento, todos eles devem enviar os documentos à Comvest até 31 de maio

Bruna é de Santo André, tem 18 anos e quer entrar em Física na Unicamp. Carolina é de Sumaré, tem 24 anos e vai prestar Letras. Além do sonho de estudar na Unicamp, elas têm em comum outro fato: estão entre os primeiros estudantes a preencher o pedido de isenção da Taxa do Vestibular Unicamp 2008. As duas não perderam tempo e se inscreveram logo nos primeiros momentos em que a Comvest (Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp) disponibilizou o formulário de isenção em sua página eletrônica: www.comvest.unicamp.br, em 02 de maio. Agora, elas têm até dia 31 deste mês para enviar os documentos à Comvest por correio, para a análise dos dados de cada uma.

Bruna Rodrigues da Silva conta que pediu a isenção porque sua família não teria condições de pagar o valor da inscrição, que no ano passado foi de 100 reais (o valor nesse ano ainda não está definido). Seu pai é segurança e sua mãe trabalha em casa. “Ganhei uma bolsa para fazer cursinho e tenho estudado muito. Estudo até aos domingos, apenas no sábado descanso”, conta Bruna. Ela diz que o esforço não vai parar mesmo se conseguir ingressar na Unicamp: “Já tenho uma idéia de projeto para iniciação científica. Quero ser pesquisadora”, completa. Bruna diz que, depois da isenção, continuará contando com o apoio da Universidade para se manter. “As bolsas-auxílio oferecidas pela Unicamp são fundamentais para que eu possa sair de Santo André e morar em Campinas. Estou confiante que vou ser aprovada em Física!”.

Diferentemente de Bruna, a estudante Carolina Magalhães sonha com um curso da área de humanas: Licenciatura em Letras. Ela prestou o Vestibular Unicamp para o curso durante três anos seguidos. No último processo foi aprovada para Pedagogia e, apesar de não ser o que mais queria, se matriculou. Agora, já como aluna, vai tentar novamente o ingresso em Letras. “Como já estou na Unicamp, fiquei de olho nas datas e quando começaram as inscrições para o pedido de isenção não perdi tempo. A isenção é algo muito bom, pois a maioria dos estudantes de escolas públicas sonha entrar numa universidade pública, mas não pode pagar a taxa de inscrição do vestibular”, disse.

Os formulários para o pedido de isenção ficam disponíveis na página da Comvest até dia 24 de maio. Em uma semana – desde o dia 02 de maio, quando abriu o período de inscrição para a isenção – a Comvest já recebeu 4.200 pedidos.