04/01/2010 / Em: Clipping

 


Hora de relaxar e esperar a 2ª fase da Fuvest e da Unicamp  (O Estado de S.Paulo – Estadão.Edu – 29/12/09)

Aprovados para a segunda fase dos vestibulares da USP e Unicamp, Eduardo Namura Di Thomaz, de 17 anos, e Leandro Carabet, de 18 anos, recomendam tranquilidade para esperar o dia dos exames. “Chega uma hora em que não adianta mais tanto estudo”, diz Thomaz. Aluno do Colégio Agostiniano Mendel, ele disse que enfrentou todas as provas da 1ª fase com serenidade — a mesma que mantém para a etapa final dos exames. “Não adianta desespero. É hora de revisar e fazer a prova. Mais do que já estudamos (até agora), não dá mais.” Este é o primeiro ano de provas de Eduardo, que concorre a uma vaga em Medicina na USP, Unesp e Unicamp. Além das provas, ele passou pela conclusão do ensino médio. “Vai dar saudade dos amigos”, conta. Eduardo estava no Agostiniano desde os 3 anos de idade. “Torço muito para meus colegas que querem Medicina passarem também. 

Locais de prova da 2ª fase da Fuvest e da Unicamp podem ter mudado  (O Estado de S.Paulo – Estadão.edu.-  30/12/09)

Os candidatos aprovados para a 2ª fase da Fuvest, que acontecerá nos dias 3, 4 e 5 de janeiro; e da Unicamp, nos dias 10 a 13 de janeiro, devem ficar atentos aos locais em que farão as provas. De acordo com as instituições responsáveis pelos exames, os inscritos poderão ser realocados em lugares diferentes dos que fizeram as provas da 1ª fase. É recomendável que os estudantes verifiquem com antecedência onde farão os exames e façam o trajeto alguns dias antes para cronometrar o tempo de deslocamento. 

Professores dão dicas para a 2ª fase da Fuvest e Unicamp  (O Estado de S.Paulo – Educação.edu – 30/12/09)

As dicas dos professores ouvidos pelo Estadão.edu sobre a 2ª fase da Fuvest e da Unicamp, que serão realizadas na primeira quinzena de janeiro, passam tanto pela preparação pessoal do candidato quanto pela atenção às questões propostas em cada exame.  A Fuvest alterou o modo de seleção e a Unicamp mantém o modelo anterior. Ambos os exames vão cobrar questões dissertativas dos alunos para todas as matérias. Em provas de física e matemática, por exemplo, é preciso demonstrar o cálculo. “Tem que lembrar de colocar a fórmula, senão, vão achar que você colou”, diz o coordenador de vestibular do Sistema Anglo de Ensino, Alberto Francisco do Nascimento. Para ele, o primordial para os candidatos é manter a autoconfiança. “Ninguém sabe tudo. É preciso valorizar o que sabe e manter a tranquilidade.”



Fuvest pode mudar os locais de prova na 2ª fase  (Correio Popular – Cidades – 01/01/10)

Os candidatos aprovados para a segunda fase da Fuvest, que ocorre nos dias 3, 4 e 5 de janeiro; e da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), e que farão exames nos dias entre 10 e 13 de janeiro, precisam ficar atentos aos locais das provas.  De acordo com as instituições responsáveis pelas provas, os inscritos podem ser realocados em lugares diferentes dos que fizeram as provas da primeira fase. A recomendação dos organizadores dos vestibulares é que os estudantes verifiquem com antecedência onde farão os exames e façam o trajeto alguns dias antes para cronometrar o tempo de deslocamento para não correr o risco de perder a prova. Os portões dos locais do exame da Fuvest 2010 abrem às 12h30 e fecham às 13 horas. Na Unicamp, abrem às 13h e fecham às 13h45. Para o vestibular da Unicamp, além dos locais, também há mudança de cidade em três casos: os candidatos que fizeram a primeira fase em Sumaré e Valinhos farão a segunda fase em Campinas; aqueles que fizeram a primeira fase em São Bernardo do Campo farão a segunda em Santo André. Mais informações podem ser obtidas nos endereços: www.fuvest.br e www.comvest.unicamp.br. Mais de 50 mil pessoas vão começar 2010 disputando as 14,2 mil vagas da Universidade de São Paulo (USP) e da Unicamp. As duas instituições aprovaram 50.294 candidatos para esta segunda fase dos processos seletivos. O vestibular da USP terá 35.588 candidatos para as 10.812 vagas — 92.556 foram eliminados na primeira fase. Na Unicamp são 14.706 candidatos — 41.026 inscritos não foram aprovados na primeira fase, realizada em 22 de novembro. São 3.444 vagas em 66 cursos, além de outras duas graduações da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (Famerp). A Universidade Estadual Paulista (Unesp) já concluiu o processo seletivo.

Maratona  (Correio Popular – Cidades – 03/01/09)

A segunda etapa da Fuvest é apenas o início de uma maratona de provas nos próximos finais de semana. Desde novembro, os estudantes passam praticamente todos os sábados e domingos resolvendo questões e só pararam entre a semana do Natal e do Ano Novo. No próximo final de semana, começa a disputa pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Serão outros quatro dias de avaliações.



Unicamp incorpora novidades ao processo seletivo  (Jornal dos Concursos – Vestibulando& – 28/12/09)

O vestibular da Unicamp irá contar com mudanças na próxima edição. Na primeira fase, especificamente na redação, o candidato terá de escrever três textos de acordo com as instruções da prova – hoje o vestibulando seleciona uma das três propostas (narrativa, dissertação ou carta) e prepara apenas um texto. Outra alteração prevista é o aumento das 12 questões dissertativas para 48 de múltipla escolha. A Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp (Comvest) avalia que o novo formato reforça a integração entre leitura e escrita, além de ampliar as possibilidades de avaliação, aumentar a precisão dos resultados da primeira fase e, consequentemente, a confiabilidade da seleção. Destaca também que, com a medida, será evitado o treinamento em apenas uma proposta de texto, pois os gêneros dos textos a serem elaborados podem variar dentro de um grupo pré-determinado.