20/08/2015 / Em: Clipping

 


Unicamp abre inscrições de 757 vagas remanescentes para 2016   (Globo.Com – G1 Vestibular – 19/08/15)

Inscrições para o processo de vagas remanescentes 2016 da Unicamp começa nesta quarta-feira (19) e segue até o dia 29 de agosto. Estão disponíveis 757 ofertas de transferência em 60 opções de cursos. A taxa de inscrição é de R$ 120. Podem se inscrever no pocesso, alunos matriculados em cursos de graduação da Unicamp e de outras instituições de ensino superior, além de portadores do diploma reconhecido/autorizado do curso superior diferente do curso pretendido, informou a Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp (Comvest). O processo de transferência terá três fases, exame de conhecimentos gerais, análise de compatibilidade de currículo e prova específica de conhecimento [Arquitetura e Urbanismo, Artes Cênicas, Artes Visuais, Dança e Música]. As informações sobre os programas das provas e critérios de avaliação de cada curso estão disponíveis no site da Comvest. Para as Provas Específicas de Conhecimento, que serão realizadas de 9 a 15 de dezembro de 2015, serão selecionados os candidatos que tiverem seus currículos julgados compatíveis com o semestre definido pelos coordenadores de graduação dos cursos. A lista de convocados para a matrícula (cursos sem provas de Habilidades Específicas) será divulgada no dia 19 de janeiro de 2016. Para os candidatos a vagas em cursos que exigem também as provas de Habilidades Específicas, a lista será divulgada no dia 4 de fevereiro de 2016.



Unicamp abre inscrições do processo de vagas remanescentes 2016   (EPTV – Virando Bixo – 19/08/15)

A Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp (Comvest) abriu nesta quarta (19) as inscrições para o Processo Seletivo Aberto para as Vagas Remanescentes 2016 (transferências). As inscrições poderão ser realizadas até 29 de agosto, exclusivamente no site www.comvest.unicamp.br. A Unicamp está oferecendo 757 vagas em 60 opções de cursos. A taxa de inscrição é de R$ 120. Podem se inscrever no processo alunos matriculados em cursos de graduação da Unicamp e de outras instituições de Ensino Superior, além de portadores do diploma reconhecido/autorizado de curso superior diferente do curso pretendido. As informações sobre os programas das provas e critérios de avaliação de cada curso já estão disponíveis no site da Comvest. O processo se realizará em três fases: Exame de Conhecimentos Gerais (ECG), Análise de Compatibilidade de Currículo e Prova Específica de Conhecimento. Além dessas três fases, há provas de Habilidades Específicas para os seguintes cursos: Arquitetura e Urbanismo, Artes Cênicas, Artes Visuais, Dança e Música.



Unicamp abre inscrições para vagas remanescentes  (Correio Popular – Cidades – 19/08/15)

A Universidade Estadual de Campinas está com inscrições abertas para 757 vagas remanescentes em 60 opções de curso. As inscrições começaram nesta quarta-feira (19) e seguem até o dia 29 de agosto. A taxa é de R$ 120. De acordo com a Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp (Comvest), podem participar do processo seletivo alunos matriculados em cursos de graduação de qualquer Instituição de Ensino Superior, além de portadores do diploma de curso superior reconhecido pelo Ministério da Educação. Neste último caso, o curso superior deve ser diferente daquele pretendido na Unicamp. O processo seletivo será realizado em três fases. Uma delas é o exame de conhecimentos gerais.


cid:image001.gif@01D0DA61.5EAE79C0
USP é universidade brasileira melhor classificada em ranking   (Terra – Educação – 18/08/15)

A Universidade de São Paulo (USP) foi a mais bem colocada entre as instituições latinas avaliadas pelo Academic Ranking of Word Universities (ARWU), divulgado no último sábado (15). A universidade ficou no grupo entre a 100ª e a 150ª posição, a mesma classificação alcançada em 2014. O ranking é elaborado pelo Center for World-Class Universities da Shanghai Jiao Tong University, que avalia as 500 melhores universidades do mundo. Harvard manteve a liderança, seguida por Stanford e pelo Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT). Com exceção das universidades inglesas de Cambridge (5ª posição) e de Oxford (10ª posição), as demais instituições que ocupam os 10 primeiros lugares são norte-americanas. Além da USP, outras cinco instituições brasileira integram a lista.