20/11/2016 / Em: Clipping

 


Unicamp: mais de 73 mil inscritos fazem 1ª fase Vestibular 2017 neste domingo (20) (Super Vestibular – 20/11/2016)

Processo seletivo começa às 13h e segue até as 18h em 31 cidades

A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) realiza hoje, 20 de novembro, as provas da primeira fase do Vestibular 2017. A estimativa é que mais de 73 mil candidatos passem pelo processo seletivo. 

Os exames serão aplicados das 13h às 18h, nas cidades de Araçatuba, Avaré, Bauru, Botucatu, Bragança Paulista, Campinas, Franca, Guaratinguetá, Guarulhos, Jundiaí, Limeira, Marília, Mogi das Cruzes, Mogi Guaçu, Osasco, Piracicaba, Presidente Prudente, Registro, Ribeirão Preto, Santo André, Santos, São Bernardo do Campo, São Carlos, São João da Boa Vista, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo, Sorocaba e Sumaré. O vestibular também será aplicado em Brasília (DF).



Unicamp realiza o exame da primeira fase do vestibular para 2017 neste domingo (20) (Cruzeiro do Sul – 20/11/2016)

A Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) realiza neste domingo (20) a primeira fase do vestibular 2017.

Segundo a Comvest (Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp), responsável pelo certame, 73.487 candidatos irão disputar uma das 3.320 vagas distribuídas em 70 cursos de graduação.

O exame começa às 13h (horário de Brasília), mas a recomendação da Comvest é que os candidatos cheguem com pelo menos uma hora de antecedência ao local do exame -para a consulta é necessário apenas digitar o nome ou o número de inscrição. A comissão também enviou a todos os candidatos uma mensagem com a informação do local.

Os candidatos deverão levar RG indicado na inscrição, caneta de cor preta em material transparente, lápis preto e borracha. O vestibulando também pode usar régua transparente e compasso. Confira demais informações no Manual do Candidato, com orientações necessárias sobre às provas e demais etapas do vestibular.

O exame deste ano será aplicado em Brasília e em 29 cidades do Estado de São Paulo: Araçatuba, Avaré, Bauru, Botucatu, Bragança Paulista, Campinas, Franca, Guaratinguetá, Guarulhos, Jundiaí, Limeira, Marília, Mogi das Cruzes, Mogi Guaçu, Osasco, Piracicaba, Presidente Prudente, Registro, Ribeirão Preto, Santo André, Santos, São Bernardo do Campo, São Carlos, São João da Boa Vista, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo, Sorocaba e Sumaré.



UNICAMP APLICA PRIMEIRA FASE DO VESTIBULAR 2017 (Brasil Escola – 20/11/2016)

Portões serão abertos às 12h30 e fechados às 13h. Etapa é composta pelas provas objetivas.

A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) realiza a primeira fase do Vestibular 2017 neste domingo, 20 de novembro. São esperados 73.487 candidatos para as provas de hoje, as quais começam às 13h.

Confira seu local de prova
Os portões dos locais de prova serão abertos às 12h30 e fechados às 13h. A Unicamp pede aos vestibulandos que cheguem com uma hora de antecedência.

Os candidatos precisam levar documento de identificação original com foto e caneta de tinta preta (fabricada em material transparente). O uso de lápis preto e borracha será permitido apenas no rascunho. Régua transparente e compasso também podem ser utilizados pelos vestibulandos.



Vestibular da Unicamp: gabarito oficial será divulgado (Hora Brasil – 20/11/2016)

O vestibular da Unicamp realiza a primeira fase neste domingo (20). São mais de 70 mil candidatos que concorrem a 3.320 vagas distribuídas em 70 cursos de graduação. O gabarito da prova já tem dada para ser divulgado.

Veja também: Vestibular da Unicamp: veja o horário da prova

Todos eles farão uma avaliação, com no máximo cinco horas de duração, e 90 questões de múltipla escolha com quatro alternativas em cada.



Vestibular da Unicamp é aplicado para 5.234 inscritos em Piracicaba e Limeira (G1 – 20/11/2016)

Primeira fase acontece neste domingo (20), às 13h, em 29 cidades e no DF.
Unidades da Unimep e da Unip são os locais de prova nos dois municípios.

Piracicaba (SP) e Limeira (SP) têm 5.234 inscritos para a primeira fase do vestibular 2017 da Unicamp, que acontece neste domingo (20), às 13h, em locais de provas nas duas cidades. O processo de seleção para a universidade é realizado em outras 27 cidades do estado de São Paulo e também no Distrito Federal (DF), com um total de 73.487 candidatos às 3.330 vagas em 70 cursos.

O campus Taquaral da Universidade Metodista de Piracicaba (Unimep) é o local de prova na cidade. Segundo a Comissão Permanente para o Vestibular da Unicamp (Comvest), 2.744 vestibulandos se inscreveram para realizar a primeira fase na Unimep. Já em Limeira são 2.490 inscritos para fazer a prova nas dependências da Universidade Paulista (Unip) na cidade.

Unicamp aplica 1ª fase do vestibular a 4,9 mil em três cidades da região (G1 – 20/11/2016)

Alunos vão prestar vestibular a partir de 13h deste domingo (20).
A prova será em São José, Guaratinguetá e Bragança Paulista.

A primeira fase do vestibular da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) será aplicada a 4.938 candidatos de três cidades da região a partir das 13h deste domingo (20).

Além de São José dos Campos eGuaratinguetáBragança Paulista será local de prova na região pela primeira vez .

Em todo o Brasil, 73.487 mil pessoas vão disputar 3.320 vagas dos 70 cursos de graduação oferecidos pela universidade – que tem um dos vestibulares mais concorridos do país. As provas serão prestadas em 29 cidades do Estado de São Paulo e uma em Brasília, no Distrito Federal.



Primeira fase do vestibular da Unicamp é neste domingo (Terra – 20/11/2016)

A primeira fase do vestibular da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) será realizada neste domingo (20). Devem fazer as provas 73,5 mil candidatos, disputando 3,3 mil vagas para 70 cursos de graduação. A concorrência é 5,5% menor do que nos exames para 2016, quando 77,7 mil vestibulandos se inscreveram para tentar uma vaga na instituição.

As provas serão realizadas em 29 cidades do estado de São Paulo e também em Brasília. Neste ano, quatro municípios foram incluídos nos locais de aplicação dos exames:  Botucatu, Bragança Paulista, Marília e Registro.

As carreiras mais concorridas são medicina, que tem 24,3 mil candidatos para disputar as 110 vagas oferecidas, o que resulta em uma relação de 221 interessados para cada possibilidade de colocação. Em seguida vem arquitetura e urbanismo, que terá 96,3 candidatos para cada uma das 30 vagas abertas, totalizando 2,9 mil candidatos.



Professores comentam prova da primeira fase da Unicamp 2017 (A Tribuna – 20/11/2016)

A prova foi considerada de nível médio para difícil

A pedido de A Tribuna On-line, professores do Colégio Objetivo analisaram o exame da Unicamp realizado neste domingo (20) e afirmaram que os candidatos que estudaram durante o ano todo foram bem nesta etapa do processo.

Segundo os professores, a prova estava de nível médio para difícil, com questões bastante típicas da Unicamp – talvez até demais. A prova de matemática com ênfase em álgebra teve questões que cobravam todo o conteúdo trabalhado no Ensino Médio, inclusive conteúdos detalhistas que cobram do alunos conhecimento de alguns teoremas. Porém as questões apresentaram grau médio de dificuldade, teve textos bem elaborados, e tempo de resolução viável, até agora a prova de vestibular mais difícil do ano. A análise é do professor Francisco Sidnei Silva Junior. 



Prova da Unicamp fica mais difícil e com mais questões interdisciplinares, dizem professores (R7 – 20/11/2016)

Mais de 67 mil pessoas fizeram a primeira fase do vestibular neste domingo (20)

Mais de 67 mil pessoas fizeram a primeira fase do vestibular da Unicamp 2017 neste domingo (20). A prova ficou mais difícil do que em 2015 e teve mais questões interdisciplinares, afirma Célio Tasinafo, diretor pedagógico da Oficina do Estudante de Campinas.

— Foi uma prova muito bem feita e consistente, acima das duas anteriores. Tivemos mais questões que fazem o candidato mobilizar várias disciplinas, foram 12 este ano, contra umas quatro do ano passado. Na prova de hoje, foram questões interdisciplinares de verdade, uma inovação da Unicamp.

Paulo Moraes, diretor de ensino do Anglo Vestibulares concorda.

— O ponto alto da prova foi a interdisciplinaridade, as questões foram muito boas. A prova de história foi difícil, física e química de média a difícil, química foi muito boa.



Primeira fase da Unicamp tem 8,6% de abstenção; veja as próximas datas (Brasil ao Minuto – 20/11/2016)

Pouco mais de 6,3 mil candidatos não compareceram aos locais de prova; instituição oferece 3.320 vagas

A Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) registrou 8,6% de abstenção, segundo a Comvest, comissão que realiza a prova de ingresso na escola, na primeira fase do vestibular 2017, realizada neste domingo (20).

Foram 6.346 candidatos que não compareceram entre os 73.487 que iriam disputar uma das 3.320 vagas distribuídas em 70 cursos de graduação, de acordo com a Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp (Comvest).

O gabarito com as respostas da prova estará disponível para consulta a partir da próxima terça-feira (22). No mesmo dia, a Comvest também divulgará a nota de corte específica de cada de um dos cursos em que os candidatos concorrem.



Acompanhe em tempo real a correção da Unicamp 2017 (Guia do Estudante – 20/11/2016)

Primeira fase do vestibular teve 8,6% de abstenção

A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) aplicou, neste domingo (20), a primeira fase do seu vestibular 2017. Foram 73.489 candidatos inscritos, dos quais 8,6% não compareceram a prova, em um total de 6.346 ausentes. O percentual é maior do que o do ano anterior, quando 8,2% de abstenção foi registrada. Estão em disputa 3.330 vagas em 70 cursos de graduação. Em Campinas, a abstenção foi de 9,6% e em São Paulo foi de 8,5%.

A Comvest vai divulgar o gabarito oficial na próxima terça-feira (22). A prova da primeira fase já está disponível. Os índices de abstenção por cidade podem ser consultados neste link. A lista de aprovados na primeira fase será divulgada no dia 13 de dezembro.



Interdisciplinar ‘de verdade’, prova da Unicamp cita Mariana (Diário de Pernambuco – 20/11/2016)

O vestibulando que prestou a primeira fase do processo seletivo para a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) neste domingo 20, encontrou uma prova bem elaborada e verdadeiramente interdisciplinar. Esta foi a avaliação do professor Célio Tasinafo, diretor pedagógico do cursinho Oficina do Estudante, de Campinas.

“Foi uma prova muito bem feita, muito melhor do que a do ano passado. Fiquei positivamente surpreso, porque esperava uma prova meia-boca como nos anos anteriores, e não foi”, comenta ele. “A prova foi bem elaborada e cheia de questões interdisciplinares verdadeiramente interdisciplinares, destas que o aluno realmente precisa mobilizar conhecimento de duas disciplinas para resolver a questão.”



Vestibular da Unicamp: prova de História foi difícil e trabalhosa (Veja – 20/11/2016)

Questões exigiam leitura atenciosa de textos longos, tanto no enunciado das perguntas quanto nas alternativas

A prova de História da primeira fase do vestibular 2017 da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), aplicada neste domingo, foi bastante exigente, segundo o professor supervisor de História do Anglo Vestibulares, Gianpaolo Dorigo. “Foi inteira trabalhosa. Não foi impossível de se fazer, mas tinha um grau elevado de exigência”, diz.
De modo geral, as questões exigiam leitura atenciosa de textos longos, tanto no enunciado das perguntas quanto nas alternativas. “O aluno precisava ler e reler as questões e as respostas possíveis”, afirma. Além disso, o professor cita a exigência de que o vestibulando soubesse relacionar tempos diferentes. A questão 49 da prova Q e Y, por exemplo, pedia que o aluno relacionasse a luta contra a escravidão, o Quilombo de Palmares e os movimentos negros da atualidade.



Unicamp 2017: interdisciplinaridade e menção a Mariana (MG) foram destaque (20/11/2016)

Uma prova bem elaborada, com grau de dificuldade de médio a difícil, e a mais interdisciplinar desde que a instituição adotou o modelo com 90 questões de múltipla escolha, há dois anos. É essa a avaliação de representantes de cursinhos pré-vestibulares ouvidos pelo UOL, neste domingo (20), sobre a primeira fase do vestibular 2017 da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), realizada durante a tarde.

Representantes dos principais cursinhos do país elogiaram a prova, que, de acordo com eles, trouxe 12 questões essencialmente interdisciplinares na edição deste ano –mais que na edição do ano passado –, além daquelas sobre língua portuguesa (13), matemática (13), história (9), geografia (9), física (9), química (9), biologia (9) e inglês (7).



Unicamp realiza 1ª fase do vestibular 2017 neste domingo; veja dicas (Folha de S. Paulo – 20/11/2016)

A Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) realiza neste domingo (20) a primeira fase do vestibular 2017.

Segundo a Comvest (Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp), responsável pelo certame, 73.487 candidatos irão disputar uma das 3.320 vagas distribuídas em 70 cursos de graduação.

O exame começa às 13h (horário de Brasília), mas a recomendação da Comvest é que os candidatos cheguem com pelo menos uma hora de antecedência ao local do exame –para a consulta é necessário apenas digitar o nome ou o número de inscrição. A comissão também enviou a todos os candidatos uma mensagem com a informação do local.

Os candidatos deverão levar RG indicado na inscrição, caneta de cor preta em material transparente, lápis preto e borracha. O vestibulando também pode usar régua transparente e compasso. Confira demais informações no Manual do Candidato, com orientações necessárias sobre às provas e demais etapas do vestibular.