24/07/2012 / Em: Clipping

 

Unicamp vai exigir vídeo de candidatos ao curso de música   (Folha Online – Educação – 24/07/12)

A partir do próximo vestibular, candidatos aos cursos de música da Unicamp deverão fazer um vídeo para mostrar sua aptidão vocal ou com o instrumento escolhido. A prova de habilidade específica, composta por duas avaliações presenciais, ainda faz parte do processo seletivo. O exame de habilidade instrumental, como é chamada essa nova etapa, não é eliminatório. Porém, quem não enviar a gravação ou não cumprir os requisitos deixará de somar pontos à nota da primeira fase -as duas avaliações valem 96 pontos cada uma. Segundo Maurício Kleinke, coordenador executivo da Comvest, comissão responsável pelo vestibular, a intenção é ter uma avaliação mais equilibrada entre a formação técnica e os conhecimentos gerais. Com a mudança, Kleinke diz acreditar que a concorrência deve aumentar. “Talvez candidatos que não prestavam o vestibular porque não conseguiam uma boa nota na primeira fase agora se inscrevam, já que têm uma chance de melhorar o desempenho.” A maior parte dos cursos de música exige uma peça específica a ser executada. Candidatos à modalidade voz em música popular, por exemplo, devem apresentar “Passaredo”, composição de Francis Hime e Chico Buarque. Será avaliado, afirma Kleinke, se o candidato tem condições técnicas mínimas para participar do curso. “O principal [no vídeo] é ter uma boa captação sonora, e o candidato deve aparecer de corpo inteiro. Mas pode ser gravado até com celular.” Além disso, não deve haver qualquer tipo de edição ou manipulação do conteúdo de áudio ou imagem. A gravação deve ser enviada pelos Correios, em CD ou DVD, durante o período de inscrição para o vestibular -de 20 de agosto a 14 de setembro. A primeira fase será realizada em 11 de novembro. Modelos de vídeo e quais peças são exigidas para cada curso podem ser conferidas em migre.me/a0Nmv.


Projeto encena obras literárias exigidas em vestibulares no teatro  (IG – Educação – 23/07/12)

Para aprofundar a análise de livros exigidos por vestibulares de universidades comUSP, Unicamp e PUC-SP, o projeto Quartas Literárias apresenta encenações das obras literárias clássicas no Teatro Bibi Ferreira, em São Paulo. Em agosto será apresentado o espetáculo “TIL”, baseado no livro de José de Alencar que é novidade na lista de livros obrigatórios da Fuvest e Unicamp deste ano. O romance regionalista, de 1872, faz um retrato da cultura do interior e suas vinculações com a cultura urbana da capital. O espetáculo ficará em cartaz entre os dias 1º e 15 de agosto. Na sequência, com estreia prevista para dia 22 de agosto, virá “Capitães da Areia”, de Jorge Amado. Na história, de 1937, os heróis são os meninos de rua de Salvador. Nos próximos meses serão encenadas as obras “Memórias de Sargento de Milícias“, “O Cortiço” e Viagens na Minha Terra.